fbpx

Palomax: 30 anos de história

A história não pode ser contada sem pessoas e suas visões. Temos 30 anos de muita bagagem e muitas pessoas passaram por aqui e deixaram sua contribuição. Vamos contar a trajetória do Palomax através de 4 visões, que representam momentos diferentes da empresa, mas que convergem para um único futuro. Futuro que se traduz através de percepções de quem vivencia nosso negócio e nossa personalidade.

“Uma empresa honesta, com o objetivo de ser justa, que honra seus compromissos, que tem garra em seu DNA, determinação, evolução constante e ousadia em suas ações.” Esta frase foi feita pelos 4 personagens da nossa história, como um quebra-cabeça que precisa de cada peça para se completar. Apenas juntamos o que cada um enxerga da personalidade do Palomax e, basicamente, se formou o que nos guia como empresa, mas através do olhar dos nossos próprios funcionários. Abaixo, nossa história:

Lúcia Gonçalves

Lúcia Gonçalves – Gerente Financeiro

Era uma casa bem simples, trabalhávamos em 05 funcionários e tínhamos somente 02 computadores, onde fazíamos o revezamento para inclusão do trabalho diário. Lembro quando houve a inauguração do mercado Libanesa, que as pessoas esperavam um novo supermercado, pois a cidade estava bastante carente deste ramo.

Eu sou Lúcia, comecei a trabalhar no Palomax quando tinha 29 anos, em 1993. Tive momentos marcantes dentro do Palomax, mas um que serei eternamente grata, foi quando aconteceu meu divórcio, e passei por momentos difíceis, mas em nenhum deles deixaram de olhar pra mim com carinho, sempre me acolhendo e me ouvindo.

A aquisição da loja São Lourenço foi um avanço que trouxe muita alegria e orgulho em ser uma funcionária do Palomax, pois era a maior loja da cidade, e isso transmitia crescimento e ousadia.

A nova gestão me trouxe tranquilidade. Quando o Felipe, atual Presidente, toma a decisão de assumir a Diretoria soou como um novo olhar. No começo, até senti uma certa insegurança. Hoje vejo que a nova gestão deseja pessoas livres e responsáveis, com abertura a novas ideias, e isso nos faz sentir capazes de realizar tarefas com segurança e eficácia.

Hoje, acredito que posso chegar onde desejar. Atuo como Gerente Financeira, e tudo vai depender de mim mesma. Estou buscando conhecimento para auxiliar o meu gestor naquilo que for necessário. Vivenciamos uma nova visão de enxergar o varejo, com ousadia e a certeza que vai dar certo.

Muitos me questionam como consegui estar no Palomax tanto tempo. Sempre respondo que para mim foi simples. Só foi unir a minha vontade de trabalhar e dar o melhor de mim para a empresa, e ela correspondeu com os benefícios que eu sempre necessitei.

Viviane Santana

Viviane Santana – Coordenadora de Recursos Humanos

Em 2005, fui selecionada para uma vaga no setor de Departamento Pessoal. Na época, a funcionária da área estava sendo promovida e seria uma substituição. Não possuía experiência e tinha acabado de fazer um curso de Departamento Pessoal. Eu sou Viviane e, com 21 anos, fui contratada para o cargo de Assistente de Departamento Pessoal no Palomax.

Trabalhar no varejo foi muito novo para mim. As jornadas de trabalho de 25 à 44 horas semanais, a legislação envolvendo as características do ramo e os intervalos diferentes para cada carga horária. A imprevisibilidade marcou muito, e a dificuldade mais sentida foi se tornar uma profissional com flexibilidade.

O Palomax contribuiu muito para a profissional que me tornei. A bagagem que carrego está baseada nos parceiros que tive ao longo deste tempo e que me ensinaram muito – questões técnicas, comportamentais e acima de tudo humana. O que mais me encanta e me faz acreditar é na oportunidade de conhecimento. Sempre fui adepta na busca de conhecimento e, a medida que o tempo e as pessoas nas posições importantes me deram a chance de colocar em prática, isto tem muito valor para mim. É uma constante escola.

Poder participar de 2 inaugurações, da Loja São Lourenço e o Max Fácil, foi enriquecedor e me fez sentir mais parte do negócio. Com a nova gestão e modernização, passamos a ter uma visão mais humanista, com cuidado nas relações interpessoais, com uma comunicação mais transparente e o investimento forte no desenvolvimento de pessoas que fazem parte do negócio. Ver o brilho nos olhos de quem comanda, a preocupação em inserir todos nos processos é combustível para querer estar aqui.

Minha meta profissional é ser Gerente de RH e, com a expansão da empresa, sei que temos potencial. Acredito que um dia posso chegar lá. Mas também sei que preciso me preparar para estar apta para a oportunidade. A chance de ser um profissional melhor está em minhas mãos.

O Mercado Max Fácil nos provocou um olhar diferente de negócio, até então não vivido. Nos fez ficar mais atentos às tendências, produtos e novidades de mercado. Já no processo de montagem de loja algo estava diferente no ar. Desde os donos até os funcionários juntos e focados com um único objetivo em oferecer o melhor resultado para o melhor funcionamento.

Leandro Silva

Leandro Silva – Gerente de Supermercado

Em 2015, tinha 33 anos e iniciei no Palomax como Coordenado de Mercearia. Tudo parecia normal como em qualquer outra empresa. No início, encontrei algumas dificuldades na aceitação de um formato diferente de trabalho. Mas acabei tendo maior relação e participação com a gestão nova da empresa e as coisas pareceram fluir. Logo nos meus 11 meses de empresa, recebemos a notícia que iriamos abrir um novo conceito de mercado e que se chamaria Max Fácil. Participei desde o início, da montagem à inauguração. Nesse momento, senti que estava para ser dado um novo rumo à empresa.

Foi emocionante ver uma nova gestão do grupo com todo o gás e com sangue nos olhos, acreditando que era o início de um novo ciclo. Na sequência, participei do processo seletivo, onde seria escolhido como o novo gerente de supermercado do Max Fácil. Mais uma vez, fui surpreendido e acabei assumindo essa responsabilidade, sabendo que seria um desafio.

Com imensa alegria, sinto-me parte desse grupo e acredito que o nosso crescimento e o da empresa está apenas começando. Meu próximo passo é me preparar para ser um gerente operacional das lojas do Max Fácil e quem sabe ser um gerente de expansão da rede. A nova gestão mostrou que as oportunidades aparecem e só temos que ficar atentos e preparados para abraçar.

José Ferreira

José Ferreira – Gerente Operacional

Entrei na empresa com 18 anos. Comecei no setor de FLV, conferindo recebimento e descarregando caminhão, abastecendo e atendendo clientes. No início, a ausência de uma pessoa em treinar e orientar as funções que deveriam ser desempenhadas dificultava bastante. A falta de um manual de procedimentos de operação, itens que já temos hoje, como o POP e os Padrinhos que acompanham o funcionário na experiência, dando o suporte necessário para um bom entendimento da função, são pontos que hoje não trabalhamos sem. Não me recordo quando era Libanesa, mas lembro muito bem do Palomax do Bosque e da antiga loja da Buscardi. Também lembro quando o Palomax inaugurou no Centro, na Rua Ítalo Ferreira, perto do Piveta Motos e, depois de alguns anos, foi para o local onde é hoje, na AV Siqueira Campos. Lembro também, quando saiu da Buscardi e inaugurou no Aeroporto, onde atualmente é a nossa loja. Estas mudanças e expansão na cidade de Matão renderam muitos comentários positivos para a empresa, além de gerarem vários empregos diretos na cidade.

Várias situações me marcaram muito nestes 20 anos na empresa, não é possível destacar uma ou outra. Passei por várias situações pessoais e profissionais durante todos estes anos, porém o que gosto muito de destacar é que se você tem força de vontade e leva a sério o trabalho que realiza, as oportunidades vão aparecendo. É uma empresa que valoriza os talentos internos, e esta oportunidade de crescimento profissional que tracei aqui dentro gera uma satisfação muito grande, pois é através do trabalho que conseguimos atingir também nossos objetivos pessoais.

O profissionalismo, o esforço e dedicação até chegar onde a empresa está hoje, levando tudo muito a sério e sempre respeitando os clientes são os pilares responsáveis por toda esta história. A nova gestão trouxe inovação e entusiasmo, além de um trabalho voltado para organização e padronização, projetando assim um crescimento para o futuro. O Max Fácil foi a primeira concretização deste espírito inovador em um novo formato e com o desafio de trabalhar diferente. Mostrou a capacidade de mudança, procurando novas oportunidades de mercado. Na minha visão é um formato de loja que tem uma imensa capacidade de ser explorada, é inovador e tem tudo para dar certo, com certeza logo será projeto de uma futura expansão.

Acredito que posso ter mais realização profissional dentro da empresa, mas o que eu espero é sempre contribuir e participar de todas estas conquistas, pois é muito gratificante, tanto pessoal como profissionalmente. Vivenciar cada objetivo alcançado junto com a empresa é muito satisfatório.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Powered by WordPress.com. Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: